Câmera Podo para selfies

A câmera Podo que pode fixar-se em qualquer superfície permitindo auto-retratos por comandos no seu smartphone via bluetooth. Acredito que o nome Podo faça alusão ao prefixo grego podos (que significa pé), e tem a ver como a câmera consegue fixar-se em várias superfícies diferentes por meio de sua base de micro sucção na sua parte traseira.
Que o “pau de selfie” é amado e odiado na mesma proporção já sabemos, o que muita gente ainda não sabe é que chegou um concorrente, por incrível que pareça! É a câmera Podo que se fixa em qualquer superfície permitindo auto-retratos por comandos do seu smartphone via bluetooth.

Podo é mais uma dessas iniciativas interessantes que surgem em sites de financiamento coletivo como o Kickstarter, onde ele se encontra. O objetivo inicial era de 50 mil dólares, mas no entanto o montante acumulado já chegava muito próximo dos 200 mil dólares. Na descrição do produto já surge logo a frase “esqueça o pau de selfie” em uma tentativa de já nascer como um rival do acessório para smartphones. Obviamente há limitações já que a Podo precisa de uma superfície para fixar-se e nem sempre há uma disponível, mas é inegável que em alguns casos pode ser uma alternativa eficiente e muito mais prática e discreta.

O funcionamento é muito simples: o primeiro passo é fixar a câmera na superfície e escolher o ângulo desejado, depois conecte a câmera ao seu smartphone via bluetooth. Pela tela do smartphone é possível visualizar e escolher o melhor ângulo e depois é só fazer o clique. A Podo é capaz de fazer fotos de até 8MP, vídeos em resolução HD, vídeos e até time-lapse mas como a transferência é via bluetooth, arquivos grandes podem demorar um pouco a chegar no seu dispositivo móvel. O preço inicial é de 80 dólares na Kickstarter, mas depois chegará aos 100 dólares quando começar a ser produzida em larga escala.

A Podo possui bateria recarregável, memória interna de 4GB e um conjunto de LEDs indicativos que também podem funcionar como flash. O que pode ajudar a simpática camerazinha é que o pau de selfie já vem sendo proibido em vários museus dos EUA e Austrália, além do Palácio de Versailles, na França. O Museu do Louvre também estuda esta possibilidade e a tendência é que no restante do mundo isso também aconteça aos poucos.

 

 

COMPARTILHAR
Artigo anteriorSony A7R Mark II
Próximo artigoFotografias no Instagram passarão a ter maior resolução
Nascido em Lisboa, Advogado de profissão e fotógrafo de coração, com licenciatura em Direito bem como formação em Marketing e publicidade, dedica-se à fotografia, e produção de contéudos.

Deixar uma resposta