As lentes de 50mm são as lentes mais queridas pela  maioria de muitos fotógrafos, em primeiro lugar porque numa câmera full frame tem aquele campo de visão que a iguala ao campo de visão que o olho humano consegue observar. E por outro lado numa crop frame é a lente perfeita para fotografia de retrato conseguindo aquele efeito glamour que todos nós apreciamos nas fotografias de retrato e também nas fotografias corporativas.

Isto para dizer que as “nifty fifty” são sempre um “must have” em qualquer “camera bag”.

Para quem não conhece o fabricante Chinês Yongnuo, é um fabricante que se tem vindo a destacar pelo fabrico de flash e disparadores compatíveis com Canon e Nikon, que se destacam pela sua boa qualidade e preço acessível.

Recentemente a Yongnuo fez furor no mercado ao lançar uma 50mm 1.8 compativel com as Canon que é quase uma cópia da Canon EF 50mm f/1.8 de primeira geração e quando falo em quase cópia, falo porque na realidade não se trata de uma cópia pois a sua concepção é completamente diferente, pese embora esteticamente sejam muito semelhantes.

Mas o furor foi devido ao preço praticado, pois se a Canon EF 50mm f/1.8, já era muito acessível, a Yongnuo conseguiu fazer a sua lente a um valor muito mais acessível.

Mas o melhor está para vir, é que em termos de qualidade a Yongnuo, sendo um fabricante com muito menos anos de mercado que a Canon não desiludiu, a lente foi um sucesso mundial e incentivou a Yongnuo a continuar a fabricar lentes, o que o fez, tendo lançado também para a Canon uma 35mm F2.0.

Dito isto, é tempo de falarmos da lente que vos trazemos hoje para análise, mais concretamente a 50mm F1.8 para a Nikon, recentemente lançada e que temos a honra de sermos dos primeiros a testar mundialmente.

Ensaio Yongnuo YN50 mm F1.8

Yongnuo YN50 mm F1.8

Características

Construção optica: 6 elementos em 5 grupos

Abertura mínima: f16

Lâminas de abertura: 7

Distância mínima de focagem: 0.45M

Diâmetro do filtro: 58mm

Máximo diâmetro: 74mm

Comprimento: 60mm

Peso: 203g

Yongnuo YN50 mm F1.8

Embalagem:

Na caixa vai encontrar a lente devidamente embalada num saco plástico com um pequeno desumidificador de sílica para evitar quaisquer humidades. Não vem qualquer hood plástico junto com a mesma, ou bolsa de protecção. No entanto ao contrário de algumas lentes de kit da Nikon que apenas trazem uma protecção de encaixe na traseira, esta lente vem com “lens cap” frontal e traseiro.

Yongnuo YN50 mm F1.8

 Construção:

Esta lente pretende concorrer directamente com a Nikkor AF-S 50mm f/1.8G e nesse sentido a Yongnuo não poupou nos materiais empregues. Para começar a área exterior da objectiva é feita de material plástico de alta qualidade, com a rugosidade muito semelhante ao material empregue pela Nikon, e o anel de borracha desliza suavemente. O motor de autofoco surpreendeu-me muito positivamente pois é rápido e comparável a qualquer lente recente das marcas Nikon ou Canon.

Yongnuo YN50 mm F1.8
Lenscap frontal e traseiro

Esta lente vem com uma janela de distância relativamente grande, à semelhança da lente da Nikon. O anel de foco manual é bastante bom tendo em conta que estamos a falar de uma lente com um nível de preço altamente competitivo, para além disso o seu movimento é suave e preciso.

Yongnuo YN50 mm F1.8
Janela de distância

Não senti qualquer “lag” entre a posição da mão relativamente às peças internas, refiro-me à utilização no modo manual, isto quer dizer que a qualquer momento pode usá-la, no modo manual bastando para isso mudar o botão para MF.

Yongnuo YN50 mm F1.8
Botão de autofoco MF/AF

Atrás o mount é de metal e os contactos são revestidos a ouro para permitir uma maior confiança em situações difíceis. A sua construção foi feita de modo a ser funcional e intuitiva, o seu botão está colocado no local certo. É uma lente que pode ficar no seu “camera bag” para sempre.

Yongnuo YN50 mm F1.8
Contactos revestidos a ouro

Qualidade de imagem e desempenho

O projecto de seis elementos incluiu um vidro asférico que visa corrigir a curvatura da lente e garantir ficheiros mais nítidos em câmeras com muitos  megapixeis, como a D800 ou a nova D500, principalmente nas bordas. Mas próximo da abertura máxima e com sensores muito novos, vai sentir alguma perda de nitidez, mas nada que o faça pensar duas vezes, na minha opinião pelo preço que esta lente custa, o investimento é certo e acertado, se não fotografa profissionalmente, e se não vai fazer grandes ampliações, não vai sentir qualquer diferença da YONGNUO YN50 mm F1.8 para a lente NIKKOR 50MM F/1.8G. Notei alguma dificuldade em focar a 1.8, o que não aconteceu em aberturas menores.

Yongnuo YN50 mm F1.8

Cores

No que diz respeito às aberrações cromáticas não notei problemas de maior, mesmo quando fotografei durante a noite, ou com pouca luz. Quando editei as fotografias em Lightroom, não senti qualquer problema com cores estranhas no desfoque.

Yongnuo YN50 mm F1.8

 Bokeh

Cores e bokeh são a razão que leva a maioria dos fotógrafos a comprar uma prime 1.8, 1.4 ou mesmo 1.2, a maioria de nós somos viciados em “Bokehliscious” e se nas cores esta lente não desilude, confesso que eu estava muito curioso para perceber como seria o desempenho desta lente no que diz respeito ao bokeh.

Yongnuo YN50 mm F1.8
Dedo com a distância mínima de focagem a f1.8

E posso dizer que as sete lâminas internas que a YONGNUO YN50 mm F1.8 vem equipada, faz com que o bokeh  por ela criada seja na minha opinião um pouco superior ao da Nikkor AF-S 50mm f/1.8G e das lentes que já testei 1.8, talvez apenas só  superado pela Sonnar T* FE 55 mm F1.8 ZA da Sony.(mas aqui entramos em lentes Zeiss, um outro patamar)

O Bokeh é suave e colorido, muito mais próximo da Canon 50mm f/1.2L do que qualquer outra lente. Mas aqui falamos de uma lente que ronda os 89 dólares, estamos a falar de uma objectiva de entrada, com muito menos elementos e projectada para ser simples e económica.

Conclusão

Com este preço e uma qualidade de construção muito semelhante à do fabricante Nikon e um desfoque acentuado, o mais “cremoso” possível. A YONGNUO YN50 mm F1.8 é um óptimo ponto de partida para quem quer comprar uma prime. A minha experiência com esta lente foi uma surpresa muito positiva, e um factor de peso para justificar continuar a investir nesta marca. Quero aqui referir que as comparações com a Nikkor AF-S 50mm f/1.8G que aqui fiz são inevitáveis, e francamente levam a pensar que existe aqui um “defasamento” em termos de valores com as lentes dos fabricantes lideres de mercado. Com isto não quero aqui dizer que esta lente é melhor que a da Nikon, mas sim chamar a atenção que se calhar para a maioria dos fotógrafos amadores e amadores avançados que queiram comprar uma prime, talvez a relação preço qualidade pese mais para o lado da Yongnuo.

O meu agradecimento à Yongnuo e à sua equipa por ter tornado esta análise possível.

REVIEW GERAL
Embalagem
6
Qualidade de construção
8
Design e ergonomia
8
Funcionamento e desempenho
7
Qualidade das imagens
7
Relação preço qualidade
9
COMPARTILHAR
Artigo anteriorAnálise ao Microsoft Surface Pro 4
Próximo artigoPentax K-70
Nascido em Lisboa, Advogado de profissão e fotógrafo de coração, com licenciatura em Direito bem como formação em Marketing e publicidade, dedica-se à fotografia, e produção de contéudos.

3 COMENTÁRIOS

  1. Foi a primeira vez que li uma explicação compreensível .Parabéns. Sou fotógrafo amador a quase 40 anos e tenho máquina de rolo ,(duas) e uma nikon,simi profissional,e em novembro estou comprando uma D7200,já com a lente e vou encomendar essa,aqui ou de Londres da onde vai vir as outras lentes e a máquina.

Deixar uma resposta