E foi no Palácio de Monserrate em Sintra que a Olympus apresentou a Olympus E-M1 MKII.

Olympus E-M1 MKII
Olympus E-M1 MKII

No evento a que a Olympus deu o nome de Olympus OPEN DAY, pudemos contar com a apresentação da evolução do modelo E-M1 para a sua segunda geração, bem como a presença dos embaixadores da Olympus  José L. Diniz e Helder Couto.

Olympus E-M1 MKII

Vamos ao que interessa:

Sim, esta é para os fãs do Micro quatro Terços:

A “flagship” da OM-D finalmente ganha um modelo de acompanhamento. A Olympus E-M1 quando apareceu em 2013 fez furor quando anunciou as suas inovadoras especificações, e esta, a sua sucessora, a Olympus E-M1 Mark II pretende acompanhar sem dúvida em termos de inovações.

Olympus E-M1 MKII

Esta câmera que teve o seu lançamento oficial ainda antes da feira comercial Photokina ocorrida este ano, A E-M1 Mark II fez sua tão esperada estréia. Vestida com um design exterior “tweaked”, a aparência é mais ou menos familiar em comparação com o modelo original, apesar de conseguirmos um aperto de mão ligeiramente maior “um grip” mais bem conseguido, e uma tela LCD articulada, bem como slots de cartão SD duplo.

Olympus E-M1 MKII

As maiores mudanças e melhorias, no entanto, são no interior. Há um novo sensor de 20MP Quatro Terços e um novo processador de imagem TruePic VIII que promete fornecer uma focagem automática muito melhorada, particularmente com AF contínuo, que ainda era um ponto a melhorar na E-M1 original, pelo menos em comparação com as DSLRs da concorrência.

Olympus E-M1 MKII

Há também a melhorada capacidade de disparo numa variedade de framerates, incluindo um insanamente rápido 60fps e um novo modo de captura Pro Capture. A faixa ISO também é expandida para entre 64 e 25.600.

Para quem é um apaixonado das câmeras desta marca como eu que possuo ainda da época do filme as OM1 OM 10e a OM30, e porque já tive a oportunidade de fotografar com a E-M1 original embora não a possua, a nova Mark II sente-se familiar ao uso. O layout de controle é mais ou menos idêntico à da original, com frente resistente e mostradores traseiros que têm uma sensação sólida agradável.

Olympus E-M1 MKII

O aperto no punho é como a mudança mais significativa. Preenche bastante a mão e dá uma sensação de muito segurança no aperto com um contorno ligeiramente mais pronunciado. Pese embora eu goste do tamanho do grip original da E-M1, eu eu gostei mais deste novo design.

Com o acessório de bateria toda a configuração desta câmera, torna-se muito mais “DSLR-like”, que é dizer maior mais volumosa, mas isto não é necessariamente um defeito se o seu “core” for fotografar um monte de imagens orientadas para o retrato, o acessório da bateria provavelmente será benéfico, mas certamente tira a “Micro-ness” que é o fenómeno Micro Quatro Terços.

Olympus E-M1 MKII

Para melhor ou pior, a E-M1 Mark II também muda para um ecrã LCD articulado. Pessoalmente, eu sou um grande fã dos ecrãs de inclinação mais simples preferindo a da E-M1 original, mas tenho a capacidade de reconhecer que o ecrã de articulação é muito mais user-friendly para criadores de vídeo e para quem se dedica a esse mercado, e com as capacidades de vídeo de 4K da Mark II, faz mais sentido ver este design no ecrã, caminho seguido pela emblemática E-M5 Mark II, que também tem um ecrã de articulação.

Olympus E-M1 MKII

A E-M1 Mark II é totalmente “weather-sealed”, então pelo que eu posso concluir  que o ecrã de articulação seja igualmente robusto. Quanto à vedação meteorológica, a Olympus afirma que o nível de proteção contra intempéries é mais ou menos do mesmo grau encontrado no original.

E em relação à primeira geração?

Ao comparar a E-M1 Mark II com a E-M1, a nova câmera  traz consigo uma série de melhorias impressionantes. O sensor Mark II tem uma contagem de pixels de 25% maior e o novo processador e memória traz com ele o dobro da capacidade de buffer RAW e velocidade de gravação de dados interna três vezes mais rápida. Ao considerar as velocidades de disparo e de focagem automática, o disparo sequencial com S-AF é seis vezes mais rápido eo disparo C-AF é duas vezes mais rápido. Tempo de inicialização é dito ter sido melhorado em 50%.

O novo sistema de focagem automática inclui 3,3 vezes mais pontos AF. As melhorias no visor eletrônico resultam numa taxa de resposta de EVF 63% mais rápida. E com a introdução de vídeo Digital Cinema Standard 4K , a OM-D E-M1 Mark II tem quatro vezes a resolução de vídeo da sua antecessora.

O obturador mecânico do E-M1 II ainda está em 1 / 8000s com um flash x / sync de 1 / 250s, mas como mencionado anteriormente a faixa de exposição do obturador eletrônico é agora de 60s a 1 / 32,000s, de 1 / 8s para 1 / 16.000 na E-M1.

Especificações e comparação com a Olympus E-M1 e a Nikon D500

Incluímos nesta comparação a Nikon D500 apesar de ser uma APS-C uma vez que é o mesmo público alvo:

Olympus E-M1 II Olympus E-M1 Nikon D500
Sensor 20MP Quatro Terços 16MP Quatro Terços 21MP APS-C
ISO (expandido) 64-25,600 100-25,600 50-1,640,000
Estabilização de imagem No corpo (até 5.5 stops*) No corpo (até  4 stops) Na lente apenas
Autofoco 121-pontos híbrido 81-pontos híbrido 153-pt phase-detect
Velocidade de disparo(electrónico) 60 fps (AF-S)
18 fps (AF-C)
11 fps (AF-S) N/A
Velocidade de disparo(mecânico) 15 fps (AF-S)
10 fps (AF-C)
10 fps (AF-S, no IS)
6.5 fps (AF-C, no IS)
10 fps
LCD 3″ fully articulating touchscreen 3″ tilting touchscreen 3.2″ tilting touchscreen
Visor 2.36M-dot EVF (0.74x equiv. mag) Optical
(0.67x equiv. mag)
Flash GN 9.1 externo GN 7 externo Sem
Capura de video DCI/UHD 4K (237Mbps) 1080/30p (24Mbps) UHD 4K (144Mbps)
Video output 4:2:2 over HDMI N/A 4:2:2 over HDMI
I/O ports Headphone, mic, remote, flash sync, USB 3, HDMI Mic, remote, USB, HDMI Headphone, mic, remote, flash sync, USB 3, HDMI
Armazenamento Dual SD (UHS-II/UHS-I) SD (UHS-I) SD + XQD
Wireless Sim Sim Sim,com Bluetooth e NFC
Weather-sealed Sim Sim Sim
Autonomia (bateria CIPA) 440 Disparos 350 Disparos 1,240 Disparos
Dimensões 134 x 91 x 69mm 130 x 94 x 63mm 147 x 115 x 81mm
Peso (CIPA) 574g 497g 760g

 

Ficamos à espera do convite da Olympus para poder ensaiar de forma detalhada este modelo tão inovador e certamente uma delicia para os amantes do formato Micro Quatro terços.

O nosso agradecimento à Olympus pelo convite  neste evento e apresentação.

Deixar uma resposta